Unna apresenta as novas It Girls
Sexta, 25 de Setembro de 2015

Elas serão o rosto da empresa por um ano
Foi um longo processo de seleção, todas as etapas contaram com muita emoção e a votação foi acirrada. Mas na segunda-feira, 21 de setembro, conhecemos as novas It Girls – representantes da Unna Maison de Frederico Westphalen.
No dia 22, as três selecionadas foram apresentadas para a imprensa em um encontro descontraído em que elas realizaram um bate-papo. Na ocasião, a proprietária da marca, Angela Cristina Pessotto, indicou que elas serão as “três sementinhas que a partir de hoje serão o rosto do universo Unna”.
Votação
Na última etapa, antes do anúncio oficial das novas garotas, as meninas participaram de votação pelas redes sociais na plataforma do Facebook. A página teve uma dimensão tão grande com as meninas que teve mais de 140 mil visualizações, só a foto com o resultado final teve mais de 16 mil e 800 visualizações.
It Girls
Kênia Pereira, natural de Vista Alegre, é acadêmica do 8º semestre de arquitetura e urbanismo na Universidade Regional Integrada (URI) e nunca havia participado de concursos. “Como eu pego o ônibus às seis horas da tarde e até então o resultado não havia sido divulgado, eu vim para Frederico Westphalen com aquilo na cabeça. E no ônibus mesmo, para minha alegria, meu colega me informou e daí viemos fazendo uma festa, fiquei muito feliz e emocionada”, contou Kênia.
Edicarla Meazza já participou de outras seleções e, além de cursar matemática na URI, é a atual rainha da Expopedras de Ametista do Sul. “Eu estava saindo de Ametista, e disse pro meu namorado ficar de olho no resultado. No único lugar do caminho que tinha sinal de telefone ele me ligou, “menina, você ganhou!". Foi legal toda a galera me dando parabéns”, lembrou Edicarla.
Além delas, Vitória Frizon, estudante do ensino médio, além de ajudar a mãe no salão de beleza, e adorar maquiagens. “Eu estava em casa aguardando o resultado, e o meu pc começou travar e eu não conseguia olhar, daí comecei a receber parabéns de um monte de gente por mensagens... Falei para minha mãe que tinha vencido, e ela disse para conferir bem. Olhei e daí começamos a rir e eu fiquei muito feliz” comemorou Vitória.
O concurso
A estilista Angela falou da importância do concurso e o que seria avaliado durante os encontros. “Quando iniciamos o concurso não queríamos modelos, porque assim seria muito fácil, era só entrar em contato com a agência e pronto. Mas não, a gente queria meninas reais!”

Comentários