Em que sentido o povo de Deus participa das três funções de cristo: Sacerdote, profeta e rei?
Quinta, 13 de Abril de 2017

Meus amigos e minhas amigas! Estamos nos aprofundando no tema Igreja: Povo de Deus. Temos, para isso, a ajuda do compêndio do catecismo da igreja católica, que, na pergunta, nos coloca a seguinte questão:

Em que sentido o povo de Deus participa das três funções de cristo:

Sacerdote, profeta e rei? Sim, porque Cristo nos dá a graça de participarmos de sua missão. A sua missão caracterizada sempre por estes três termos: Ele é sacerdote, Ele é profeta, Ele é rei. Sacerdote, pois bem, como sacerdotes, nós temos a graça de, através do Espírito Santo que se

se ofereçam ao Pai por Cristo e, para isso, é que o Espírito Santo realiza este trabalho. Oferecer-nos e oferecer a humanidade.

A função do sacerdote é oferecer, sacrifícios agradáveis a Deus e não há nenhum sacrifício tão agradável como a oferta de um coração.

Profeta: como profetas, nós fazemos o papel de Cristo. Anunciamos as maravilhas de Deus. Anunciamos o Plano de Deus e também é função do profeta denunciar aquilo que se desvia do caminho de Deus. Aquilo que não corresponde à vontade de Deus. Nem sempre a função profética é fácil.

Nem sempre a função profética é agradável, mas temos como Cristo pelo batismo, como membros do povo de Deus, temos esta Missão, e então este povo tem esta missão, de ser rei.

Então qual é a função de Rei? É reunir o seu povo. É reunir o seu rebanho. É isto que Cristo procurou fazer. Ele trabalhou para reunir todas as ovelhinhas do seu rebanho, reuniu todo o seu povo ao redor de si para, então, oferecê-lo ao Pai. E como Jesus exerceu o seu reinado?

Jesus exerceu o seu reinado não se impondo pela força. Jesus exerceu o seu reinado não manifestando poder. Jesus manifestou o seu reinado não exigindo vassalagens. Jesus exerceu o seu reinado não cercado de soldados e de exércitos. Jesus reinou servindo e chegou a dizer “Eu não vim para ser servido, mas para servir e dar a vida pelas minhas ovelhas”.

Ora, o povo de Deus, chamado a imitar Jesus Cristo. O Povo de Deus chamado a segui-lo, é chamado a servir. E no mundo temos, pois, esta missão, de ser um sinal de desprendimento. Portanto, não nos cabe buscar honras. Não nos cabe buscar glórias. Não nos cabe buscar a satisfação pessoal. Nossa missão é ver as necessidades dos nossos irmãos e servir de forma discreta de tal forma, que o nosso servir seja: sem que apareça o nós.

Temos um modelo extraordinário na figura de São João Batista. Queria que, com o seu serviço, Cristo aparecesse. E ele desaparecesse.

Temos então, como povo de Deus, esta missão: ser sacerdote, ser profeta e ser rei. E, para como povo de Deus, exercermos esta missão.

Para isto, recebemos uma graça de Deus. Uma graça individualmente pelo batismo. E na igreja pela permanência viva do Espírito Santo sobre ela.

A igreja pede para que você colabore nesta tríplice missão da igreja.

Comentários