Tabela de Ações
Sexta, 09 de Janeiro de 2015

Início de ano é tempo de planejamento. O momento é muito propício para o redirecionamento dos nossos esforços em prol da realização dos nossos sonhos, visto que os nossos corações e mentes se mostram muito mais acessíveis a novas perspectivas e adaptações. Além do mais, em cada início de ciclo, uma energia extra se impõe sobre o planeta para que os seres possam realmente revigorar suas forças e propósitos dentro do grande plano da existência.

Se você não tem o costume de fazer “amplos projetos” para a sua vida a cada ano que se inicia, comece por simplesmente fazer uma “lista de ações” que possa gerar alguma motivação e disciplina para os 365 dias que se sucedem. E cada ação elencada nesta lista deve ter pelo menos outros cinco itens de planejamento que servem de parâmetros para a observação e avaliação do desempenho e sucesso da ação proposta.

Nas escolas, academias e instituições, onde se desenvolvem os “amplos projetos”, estes itens são conhecidos como objetivos, justificativas, metodologias, cronogramas, recursos de viabilidade etc. Entretanto, para a “lista de ações” simples e prática de que estamos falando, vamos usar termos mais didáticos e usuais. Assim, ao elencar em lista as ações propostas para o novo ano - ações que poderíamos classificar como pertencentes ao item “O quê fazer?” - devemos também acrescentar cinco colunas de listas paralelas complementares onde sejam lançados os itens respectivos à: “Por quê?”, “Como?”, “Quando?”, “Onde?” e “Quem?” irá fazer.

Evidentemente, após toda esta incrementação, a simples “lista de ações” se transforma em uma “tabela de ações”. Mas isto não é nenhum bicho de sete cabeças. A tabela de ações é um consistente instrumento de planejamento que auxilia muito nas doses certas de motivação e disciplina que devem ser dadas para a efetiva concretização de nossas metas em busca da realização de nossos sonhos. É com planejamento e uso de adequados recursos e instrumentos que se atingem os objetivos propostos, inclusive os traçados para a vida como um todo. Não existem truques nem mágicas neste nosso universo ou natureza. O que existem são leis fundamentais que, uma vez entendidas, permitem-nos escolher o melhor caminho para que a nossa existência seja harmonizada com o ritmo e a direção a que elas apontam. Não compreender como as coisas funcionam é navegar no imenso oceano da evolução sem nenhum leme ou direção, relegado apenas ao sabor das ondas, do vento, das tempestades e dos furacões.

Comentários