ATIVIDADE FÍSICA E ENVELHECIMENTO (parte 4)
Sexta, 29 de Janeiro de 2016

Após os 40 anos, as funções corporais costumam baixar de 1 a 2% ao ano. Ao chegar aos 90 anos, uma pessoa perde normalmente 70% de sua capacidade vital. Com a prática regular de exercícios, a perda é de apenas 30%, pois a atividade física mantém um equilíbrio melhor no organismo. Que vantagens traz para o organismo a prática de exercícios físicos?

1. Mantém seu corpo firme. À medida que a idade avança, há uma tendência normal de endurecimento e perda do tônus muscular. O corpo fica mais fraco e mais rígido. A prática regular de exercícios físicos torna o indivíduo mais flexível, com manutenção da capacidade muscular sem a perda que o tempo determina.

2. Fornece-lhe energia. A falta de energia das pessoas mais idosas atribuída à idade é, na verdade, devido à inatividade. Após algumas semanas de atividades físicas, a energia e a disposição costumam voltar, associadas sempre a uma sensação de bem-estar.

3. Reduz o estresse. A atividade física exerce sobre seu corpo duplo benefício. O primeiro ocorre quando está fazendo os exercícios, pois a concentração neles faz esquecer problemas da vida cotidiana os exercícios também liberam endorfinas, hormônios naturais do corpo humano que levam a uma sensação de bem-estar e tranquilidade. O indivíduo praticante de exercícios, quer aeróbicos, quer anaeróbicos, costuma ter pressão arterial normal e enfrenta melhor as situações de estresse.

4. Combate a depressão. O exercício físico principalmente, o aeróbico, é um forte recurso contra a depressão. Ao se exercitar o indivíduo libera serotonina e outros hormônios que costumam estar reduzidos na depressão. Estudos mostraram que grande parte da depressão tinha desaparecido em indivíduos que se exercitaram regularmente 12 minutos por dia após cinco semanas de exercícios.

5. Reduz a ansiedade. A ansiedade é uma tensão contínua sobre o organismo que exerce efeitos negativos sobre o mesmo. Estudos mostraram que uma caminhada ao ar livre exerce efeito positivo no combate à ansiedade, assim como o uso de tranquilizantes diazepínicos.

6. Melhora o humor e a autoestima. Ao desenvolver atividade física, estará melhorando sua força e seu aspecto físico. Por outro lado, você se sente autoconfiante, pois supera a inércia e o comodismo, levando a uma melhora considerável da autoestima. O efeito é ainda mais positivo quando reduz o peso em excesso.

7. Melhora o sono. Exercícios moderados praticados até 3 horas antes de dormir trazem uma melhora do sono, tornando-o mais relaxado e mais recuperador. Exercícios feitos pouco antes de dormir dificultam o sono pela liberação de cortrosina, que é o hormônio do despertar.

Comentários