Voltar ao passado é entender o presente
Sexta, 16 de Maio de 2014

Esta semana teremos um assunto que muitas vezes é deixado de lado, mas que possui uma importância muito grande para a cultura de um município; são os museus. Muitas pessoas visitam esses locais somente quando estão estudando no ensino fundamental e médio e não compreendem o sentido de se ter um museu e o que ele representa para a história de uma cidade.

O SBM - Sistema Brasileiro de Museus define esses locais como casas que guardam e apresentam sonhos, sentimentos, pensamentos e intuições que ganham corpo através de imagens, cores, sons e formas. Os museus são pontes, portas e janelas que ligam e desligam mundos, tempos, culturas e pessoas diferentes. 

No dia 18 de maio é comemorado o Dia Internacional do Museu. A data foi instituída pelo Comitê Internacional de Museus (Icom) com o objetivo de chamar a atenção da sociedade e do público para a importância dos mesmos. Afinal, são eles os responsáveis por preservar a história e a cultura da humanidade. Através dos anos, preservam os objetos que foram utilizados, inventados ou descobertos pelo homem ao longo de sua existência histórica. Visitar um museu é, portanto, voltar no tempo, aprender nossa história e valorizar o conhecimento humano.

Existem vários tipos de museus: Museu de história natural: preservam a fauna e a flora. Em alguns é possível conhecer os animais pré-históricos. Museu de arte: podem conter obras de diversos movimentos artísticos, desde pinturas até movimentos mais recentes como os impressionistas, modernistas e contemporâneos. Museu sobre etnias: existem muitos tipos que contam e preservam a história e cultura de diversos povos, muitas vezes, algumas etnias nem existem mais. Museus de tecnologias: estes museus tratam da evolução da ciência e do conhecimento científico da humanidade. 

Em nosso município possuímos um museu que não é muito grande, mas que tem o seu espaço suficiente para contar a história de Frederico Westphalen, a história do nosso Barril. Gostaria neste espaço dizer que precisamos de um novo local, uma nova estrutura de fácil acesso para o nosso museu para que ficasse mais perto do público. Temos muitos artistas que poderiam expor suas obras no museu. Um grande exemplo de mudança é a Biblioteca Municipal que obteve um novo lugar e que com certeza hoje possui muito mais pessoas retirando livros e fazendo suas pesquisas. 

Faço também o meu convite, visite o museu municipal e faça parte, viva a história da cidade, pois o conhecimento não está somente nos livros, mas também na experiência que adquirimos e na história do povo. Hoje somos assim, porque alguém lutou e fez algo por nós no passado.

Um grande abraço e até a próxima sexta-feira.

Comentários