O Trabalho e o Trabalhador
Sexta, 12 de Junho de 2015

Bom dia mui amados leitores, vamos entrar um pouquinho na seara do Trabalho que é o meio à fonte de renda para a sustentabilidade das famílias e, por extensão, da sociedade para o crescimento e desenvolvimento sustentável à Ordem e ao Progresso do país.

Aprendiz: Mestre, as sociedades organizadas possuem um sistema de trabalho bem definido para cada indivíduo, a fim de que cada trabalhador possa participar do processo de produção na modalidade de trabalho assumido e seja remunerado pelo seu trabalho, beneficiando a si, a sua família e a sociedade. Podes dar um exemplo?

Mestre: Claro! Um trabalhador rural cria uma vaca leiteira, tira o leite e o repassa à indústria que beneficia o leite, pasteurizando-o, gera novos produtos derivados como a manteiga, creme de leite, queijos, leite condensado, requeijão, pudins, leite em pó e os repassa para toda sociedade consumir através dos postos de comércio, como as padarias e os supermercados. Neste exemplo, têm-se vários tipos de trabalho e de trabalhadores: os trabalhadores rurais e técnicos (agricultores, agrônomos, técnicos agrícolas, veterinários, zootecnistas), os trabalhadores na logística de transporte da matéria-prima alimentar e dos produtos industrializados (os caminhoneiros), os trabalhadores da indústria (empresários, engenheiros de alimentos, químicos, engenheiros ambientais e sanitaristas, trabalhadores do controle de qualidade dos produtos pelas análises físico-química e microbiológica, os administradores, os contadores, os cozinheiros, os caldeireiros, os eletricistas, os encanadores, os faxineiros, os secretários, os atendentes, os seguranças, etc.), os trabalhadores que viabilizam os insumos da indústria (potes, garrafas, tampas, caixas, embalagens e rótulos), os trabalhadores da publicidade, da comunicação e da imprensa que divulgam os produtos no jornal, na rádio, na televisão; os trabalhadores que fiscalizam a indústria (agentes da vigilância sanitária) para que os produtos sejam vendidos com qualidade e segurança alimentar para todos os consumidores (a sociedade).

Aprendiz: Nossa! Para produzir um produto, como o leite, existem tantos trabalhadores! Existe um nome mais fácil para expressar toda a sistemática desse conjunto de trabalho?

Mestre: Sim, é denominado de “Cadeia Logística de Produção Alimentar”.

Aprendiz: Essa cadeia logística de produção alimentar envolve muitos trabalhadores como elos de uma corrente. Se um desses elos se romper, quem garante que o produto chegará com qualidade e segurança alimentar aos consumidores? 

Mestre: Existem leis que protegem e asseguram os trabalhadores de todos os seguimentos de trabalho, quer seja no meio rural, na indústria, no comércio e aos próprios consumidores (Código de Defesa do Consumidor).

Aprendiz: Que leis são essas que permitem a perfeita harmonia nas diferentes atividades de trabalho e de relações entre empregados e empregadores (trabalhadores) garantindo produtos saudáveis à população e assegurando ganhos de renda a todos os trabalhadores?

Mestre: São as Leis do Trabalho, regidas pela CLT – Consolidação das Leis do Trabalho (Decreto-Lei n.º 5.452, de 1º de maio de 1943). Essas Leis asseguram as relações de trabalho em todos os seguimentos e meios (rural, urbano) desde que o trabalhador tenha a Carteira de Trabalho e Previdência Social assinada. A carteira assinada serve como garantia para o empregador, pois descreve o tipo de serviço e salário para qual o trabalhador foi contratado (evitando ações trabalhistas na Justiça) e assegura os direitos dos trabalhadores (salário, férias, 13ºsalário, insalubridade, acidentes, aposentadoria por tempo de serviço ou doença, pensão...).

Aprendiz: Então essas leis são excelentes! Pois permitem manter os elos fortes da grande corrente que gera a produção em benefício de todos possibilitando o crescimento e fortalecimento da sociedade para o progresso da nação. Tenham uma ótima semana e que Deus ilumine vossas mentes e corações!

Comentários