Por um novo amanhã
Sexta, 23 de Junho de 2017

Bom dia, mui amados leitores. Oh, povo de luta! Quão entristecidos pela desassistência da pátria amada que se avulta em farsas, riquezas e corrupção.

Aprendiz: Há tempos que não se vê um céu de brigadeiro tão belo na política administrativa do país, nem mesmo um sorriso nas faces dos jovens anciãos aposentados para uma vida prazeirosa. Em tempos, governos passam como a brisa suave das manhãs de primavera, ou como rajadas de ventos que anunciam tempestades. Por que é tão difícil governar um país, fazer uma gestão que beneficie a população que trabalha, que estuda, que cultiva o amor e a esperança, que move e faz pulsar a vida?

Mestre: Diariamente os raios solares abrem as janelas dos céus da pátria amada para o despertar da vida no universo! Para todos! De fato, governos passam, quiçá fossem como andorinhas de verão. Por mais que hajam promessas de um governo sério em benefício de todos, a história tem mostrado que não passam de frases lançadas aos ventos, ao tom de cativantes retóricas que se perdem após o “ato de posse”, tão bela solenidade aos olhos da esperança de um povo sofrido, gigante e escravo da própria esperança. Infelizmente, os atuais sistemas políticos parecem como times de futebol com estruturas administrativas, publicitárias e diretivas ao objetivo único da corporação: vencer. As vitórias, conquistas de campeonatos são traduzidas em recompensas econômicas à estrutura corporativa do clube, enquanto o povo que alimenta esses clubes recebe apenas a satisfação psicológica da vitória. É chegada a hora da mudança, da construção de um novo sistema administrativo com bases na “meritocracia e gestão compartilhada pela competência e capacidade”, reconhecidas pelo saber fazer em vez dos corporativismos do ganha-ganha que se alargaram como províncias de um império sombrio em que o medo, o terrorismo, as perseguições e as incertezas se espalharam na população: em crescimento, formação, trabalhadora e até adentra nas instituições da Justiça. Está na hora de pensar em novas oportunidades para gerar e construir juntos “Um Novo Amanhã”. Informa-se a comunidade que nos dias 27 e 28 de junho, a Universidade Federal de Santa Maria estará realizando eleições à escolha do novo reitor. Desde já se agradece pela honrosa administração do atual magnífico reitor, mas espera-se que uma nova gestão, meritosa e compartilhada, tenha mais olhos, pensamentos e ações para o desenvolvimento das unidades campi como a de Frederico Westphalen, Palmeira das Missões, Cachoeira do Sul, Silveira Martins e área de Iraí para construir “Um Novo Amanhã” com novos cursos de graduação, pós-graduação e com ampla participação e integração na sociedade. Que o hospital público regional e o curso de medicina se tornem realidade a nossa região em benefício da saúde, do ensino, da pesquisa, da extensão em benefício de todos! Tenham uma ótima semana e que Deus ilumine vossas mentes e corações!

Comentários