O ser Superior
Sexta, 23 de Maio de 2014

Bom dia mui amados leitores. Vamos abordar um ponto de vista do ser humano.

Aprendiz: Mestre, o que diferencia o homem dos demais organismos vivos, como os animais?

Mestre: O homem ancestral, biologicamente, sofreu um processo evolutivo pela mudança radical no hábito alimentar. Inicialmente vegetariano, passou a ingerir animais ricos em ácidos graxos essenciais (peixes) o que ocasionou a aceleração do processo evolutivo do seu córtex cerebral. Ao longo do tempo, esse organismo eucarionte foi constituindo um sistema nervoso central superior capaz de deferir não apenas dois tipos de reflexos bem conhecidos: condicionado e incondicionado, através do seu sistema neuroquímico, mas também promover o desenvolvimento de áreas cerebrais específicas, como as de associações secundárias e terciárias. 

Aprendiz: Pode explicar o que são esses reflexos condicionados e incondicionados?

Mestre: Claro, o reflexo condicionado é aquele intrinsecamente ligado às condições do meio em que o indivíduo se encontra, por exemplo: um mosquito zumbindo próximo à orelha direita condicionará ao indivíduo movimentar sua mão nesta região para afastar o inseto que o incomoda. Este reflexo também está relacionado ao processo de aprendizagem. Já os reflexos incondicionados são aqueles em que o indivíduo não tem, a priori, o domínio sobre o movimento, como os batimentos cardíacos.

Aprendiz: Quais são as funções nas áreas de associação secundária e terciária que esse cérebro superior exerce?

Mestre: Essas áreas cerebrais estão relacionadas às funções de: pensamento, linguagem, discurso, abstração, formação de conceitos, memória em longo prazo, organização espacial e temporal, planejamento, emoção, motivação, memória laboral, funções intelectuais e personalidade.

Aprendiz: Mas o que esse cérebro mais evoluído foi capaz de gerar no ser humano?

Mestre: Essa evolução biológica despertou a consciência do homem para si e para o ambiente (o mundo). Capacitando-o a compreender os fenômenos naturais e superar obstáculos à própria existência, desenvolver tecnologias para abater animais que o ameaçavam na antiguidade; desvendar fenômenos físico, químico e biológico para aumentar a longevidade de sua espécie e proporcionar qualidade de vida: na produção de remédios que salvam vidas, na construção de edifícios, na fabricação de roupas, alimentos, automóveis e aeronaves. 

Aprendiz: Será que essa evolução biológica do ser superior é capaz de propiciar o convívio de maneira civilizada, pacífica, fraterna e respeitosa entre os próprios seres humanos?! Tenham uma ótima semana e que Deus ilumine vossas mentes e corações!

Comentários