Vitória
Sexta, 18 de Abril de 2014

Finalmente o União esboça reação na Segundona e conquista sua segunda-vitória. Ao final do jogo o torcedor deixou o estádio satisfeito com o resultado e exaltava, time bom tem que contar também com a sorte. Pois foi a sorte que de certa forma mudou o rumo do jogo de quarta-feira. Quando o União tomou o primeiro gol, passou a ganhar o jogo, pois ali Bandeira entendeu que em casa precisando da vitória não dá para jogar com um amontoado de jogadores no setor defensivo.

A mudança de postura foi decisiva para o União vencer o Avenida, tomara que contra o Panambi, essa forma de jogar chamando derrota não seja repetida.

Plantel

Hoje o União conta com um bom time e um bom banco de reservas, ou seja, o plantel oferece condições para a equipe sair da posição incômoda, é preciso, no entanto, que a equipe apresente boas alternativas de jogadas, tendo posse de bola, tranqüilizando o jogo nos momentos decisivos e isso só é possível com jogadores experientes e de qualidade.

Há muito venho defendendo que Ronaldinho Gramadense atue no meio de campo, ao lado de Diego Miranda. Jogadores com a qualidade dos mesmos farão a equipe render mais, criar mais e oferecer melhores condições de arremate e acabamento de jogadas pelos atacantes.

Um time com apenas um meia de criação, caso do Diego Miranda, escolhido o craque do jogo pela equipe do Complexo Luz e Alegria na quarta-feira se torna fácil de ser neutralizado, basta marcá-lo, colar um volante e não deixá-lo jogar, por sorte o técnico do Avenida não orientou seus marcadores para isso, com dois meias fica mais difícil de executar a marcação.

Grenal

Os quatro a um aplicados pelo Internacional no clássico Grenal que lhe garantiu o título do Gauchão, era uma goleada que vinha sendo anunciada. O técnico Anderson Moreira ainda não havia convivido com a rivalidade da dupla, talvez por isso o Grêmio não fez uma preparação especial para o clássico.

Grenal é Grenal e não dá pra encarar como um jogo qualquer. Uma goleada de quatro a um no clássico é quase tão importante quanto vencer um campeonato e essa leitura não foi feita pelo Grêmio, o torcedor, porém, está revoltado e faixas já foram estendidas com ameaças, fato lamentável. O torcedor do Grêmio agora exige vitória diante do San Lorenzo, caso contrário a violência deve começar. Isto é um verdadeiro absurdo no país do futebol, a poucos dias de uma Copa do Mundo.

Panambi

Domingo no Vermelhão da Colina o União recebe a SER Panambi, adversário que contra o União se agiganta, para esse jogo o técnico Rodrigo Bandeira deve armar um esquema que surpreenda o adversário.

É preciso encarar o confronto como se fosse um Grenal, não dá para simplesmente colocar o time pra jogar, tem que haver algo novo, é preciso surpreender e garantir uma grande vitória. Este é o jogo decisivo para as pretensões na temporada.

Comentários