Dunga de novo
Sexta, 25 de Julho de 2014

Não é surpresa a CBF ter chamado novamente Dunga para assumir o comando técnico da Seleção Brasileira. Além da amizade com Gilmar Rinaldi, coordenador-geral da Seleção, Dunga fez um bom trabalho na primeira vez que comandou a amarelinha, ficando com um aproveitamento superior ao de Felipão.

Aliás, já se vão lá uns trinta anos que a CBF repete os mesmos nomes de treinadores, Zagalo, Parreira, Felipão e Dunga, a exceção foi Mano Menezes.

O que pode melhorar com o trabalho do Dunga, é a aplicação tática da equipe, a determinação e um time mais equilibrado emocionalmente. Se a Seleção treinar mais e se preparar melhor para as competições, já é um grande passo.

 

Grêmio

O Grêmio vai finalmente contar com Fernandinho no ataque. Depois de muita demora na liberação da documentação, na tarde de ontem chegou a confirmação que o jogador está liberado, estando à disposição do técnico Enderson Moreira.

Será mais uma alternativa no ataque gremista, com um jogador de boa imposição, velocidade e que sabe fazer o acabamento das jogadas tendo um bom chute.

Se com Fernandinho o ataque do Grêmio não funcionar domingo contra o Coritiba, aí realmente não há mais o que fazer, a não ser deixar Barcos no banco pelo menos por uns três jogos, ou trocar o treinador.

 

Grêmio II

O tricolor gaúcho que até não faz campanha ruim no brasileirão, pois ao passo que quase não marca gols, sofre muito pouco, vive um forte dilema.

A contestação do trabalho do seu treinador não segue em outra direção e se caso em mais dois ou no máximo três jogos o time não melhorar consideravelmente, com certeza, será substituído.

O alerta vermelho acendeu na quarta-feira, quando o time que está sendo preparado para jogar no domingo, justamente o time que é mais diretamente trabalhado pelo treinador, levou 7 a zero dos reservas. A situação já passou de grave na casa-mata gremista.

 

 

Inter

O Internacional poderia estar num momento muito melhor, não fosse o desfalque do seu principal jogador. Não resta a menor dúvida de que com Aránguiz em campo o colorado teria batido o Corinthians na volta do brasileirão e hoje estaria na segunda colocação do brasileirão.

O problema é que Aránguiz já não estará em campo novamente neste sábado no jogo contra o Bahia. 

 

Inter II

Se o colorado acertar a zaga, com a contratação de um zagueiro de alto nível, ainda vai brigar pelo título deste Campeonato brasileiro. A dificuldade, no entanto, está em acertar na contratação deste jogador que provavelmente estaria no mercado estrangeiro.

No futebol brasileiro, há escassez do produto, zagueiro bom é zagueiro vendido mas para o exterior, o negócio é procurar no Paraguai, Argentina, Uruguai ou até mesmo na Colômbia de onde podem vir boas alternativas. 

Comentários