As oportunidades que as feiras oferecem
Sexta, 03 de Junho de 2016

Não me canso em afirmar o bem que as feiras e exposições proporcionam aos visitantes e às regiões. Certamente daria inúmeros temas de estudo em nível de pós-graduação pela profundidade e amplitude das abordagens possíveis. Temas na área da sociologia pelos encontros interpessoais que possibilitam, pelas novas amizades que brotam de encontros em temas comuns, na oportunidade de extravasar as emoções nos shows. Temas na área da legislação pela necessidade de tudo estar organizado e disponível ao público segundo os ditames da lei. Temas na área da engenharia, da arquitetura e do urbanismo, pois os caminhos, as passagens, os espaços, as construções devem obedecer a critérios e técnicas de conforto e segurança ao público. Temas na área da saúde, pois a alimentação, a água, as bebidas, os ambientes e tudo mais devem proporcionar bem-estar às pessoas. Temas na área da administração, pois o equacionamento harmonioso de interesses diversos para um grande público, em um mesmo local, exige habilidades para evitar ou resolver conflitos. Habilidades na gestão de pessoas para coordenar, executar, fiscalizar o funcionamento dos setores e oferecer sustentabilidade econômica ao evento. Temas na área das tecnologias, pois em tudo o que está disponível há tecnologia e conhecimento aplicado. E tantos outros temas relevantes.

Quero ressaltar as oportunidades tecnológicas que a Expofred ofereceu para a região no setor animal. Quanta tecnologia disponível! Ciência convertida em metodologias, em procedimentos, em materiais, em genética, em manejo, em conforto, em sanidade, em bem-estar, em ganhos. Tanto conhecimento disponível que foram batizadas de “vias tecnológicas do leite” e “via tecnológica da suinocultura”. A pujança de duas cadeias produtivas regionais estava representada e concentrada em poucos metros quadrados: leite e suínos. Atividades que envolvem milhares de famílias na produção, no apoio à produção, na indústria da transformação, na distribuição do produto elaborado e, por fim, na disponibilização ao consumidor. Duas cadeias produtivas que vêm gerando riquezas para a região e apontam caminhos de crescimento e desenvolvimento acelerado, sendo opção de renda para vários segmentos. Tecnologias do que há de melhor no mundo estavam ali disponíveis. Produtos e pessoas preparadas para formar opinião e converter o exposto em negócio, em oportunidade, em bem-estar. Não longe dali, no início do parque, máquinas, equipamentos, veículos e outros segmentos de produtos que dão suporte para a produção de grãos que viabilizam estas duas cadeias. Tecnologias que proporcionam conforto, bem-estar, autoestima e, sobretudo, ganhos que viabilizam atividades e justificam a existência de universidades, de empresas, de entidades, de instituições e de pessoas que fazem esta região aparecer no cenário nacional. Parabéns aos organizadores da Expofred! Um grande evento que fez jus ao lema: “Perspectivas Geram Oportunidades”!

Comentários