O Massa é nosso!
Sexta, 14 de Novembro de 2014

O GP do Brasil começou bastante agitado. Na largada, Rosberg conseguiu manter a primeira colocação, mas Hamilton também continuou grudado nele, buscando a ultrapassagem. Massa também largou bem e se manteve em terceiro, à frente de Bottas. Com poucas voltas passadas, Felipe já entrava nos boxes para fazer sua primeira troca de pneus, mas a passagem do brasileiro pelo pit-lane não foi como ele esperava. Com uma falha no limitador de velocidade, ele acabou ultrapassando a velocidade permitida e foi punido com o “stop and go” de 5 segundos.

Sabendo que só cumpriria a punição na sua segunda parada, o brasileiro acelerou para tentar abrir uma boa vantagem para Bottas, mas acabou não conseguindo. Quando entrou nos boxes, o finlandês estava próximo e o tempo perdido por Felipe fez com que ele passasse com tranqüilidade. No entanto, na volta seguinte, Valtteri também teve que parar e, com um problema no sinto de segurança, perdeu muito mais tempo do que Massa, despencando na tabela de classificação. Massa, que não tinha nada a ver com isso, acelerou e conseguiu manter-se entre os primeiros colocados.

Mas na segunda passagem de Felipe pelos boxes, outro erro do brasileiro quase lhe custou o pódio. É que ele confundiu o uniforme da McLaren, que estava pronta para trocar os pneus de Button, com o da Williams e acabou entrando no boxe errado. Ao perceber o erro, ele passou direto e foi para o local correto. Ainda assim, acabou perdendo um pouco de tempo Apesar dos enganos, se manteve na quinta colocação e, depois das paradas de Hulkenberg e Raikkonen, voltou à terceira colocação. Ali, ele administrou a corrida até o fim.

Enquanto isso, Hamilton e Rosberg duelavam pelo primeiro lugar até que o britânico rodou na “curva do S”. Imediatamente, o engenheiro de Nico pediu para que ele administrasse, já que o inglês havia errado. Só que ele não imaginava que Lewis tiraria uma vantagem de mais de sete segundos. Nas voltas finais, Hamileton chegou em Nico. Mas como chegar não é passar, acabou prevalecendo na disputa.

Abraço e até a próxima!

Comentários