“TRÍPLICE COROA”
Sexta, 24 de Julho de 2015

“TRÍPLICE COROA”

Norman Graham Hill, ou mais conhecido no automobilismo como Graham Hill, foi um piloto britânico nascido na Inglaterra, bicampeão mundial de Fórmula 1 em 1962 e 1968. Ele esteve na categoria por 18 temporadas, entre 1958 a 1975.
Até hoje, Graham Hill foi o único piloto a ganhar a “Tríplice Coroa do Automobilismo”, que é um título não oficial dado a um piloto que conquista as três mais prestigiadas corridas do automobilismo mundial.


ELE VENCEU:

- o Grande Prêmio de Mônaco em 1963, 1964, 1965, 1968 e 1969;
- as 500 Milhas de Indianápolis em 1966 e
- as 24 Horas de Le Mans em 1972.

Hill recebeu o apelido de Mr. Mônaco, em função das cinco vitórias em Monte Carlo na década 60: 1963, 1964, 1965, 1968 e 1969, sua última vitória na categoria. A sua marca foi superada 24 anos depois pelo brasileiro Ayrton Senna, que obteve a sexta em 1993.
Graham Hill nasceu em Hampstead, Londres, e ficou conhecido durante a parte final de sua carreira por sua inteligência e paciência. Ele iniciou sua carreira na Fórmula 1 aos 29 anos correndo pela Lotus. Depois de dois anos sem marcar sequer um ponto, entrou na BRM, e venceu seu primeiro campeonato em 1962. Ainda na BRM, ele foi vice-campeão em 1963, 1964 e 1965. Seu segundo título veio depois de voltar para a Lotus em 1968. Nesse mesmo ano, ele venceu o GP da Espanha com a Lotus patrocinada pela Gold Leaf, na primeira aparição de um carro estampado por uma empresa tabagista sem vínculo com o meio automobilístico.
Durante sua carreira, sobreviveu a vários acidentes antes de se aposentar aos 46 anos e montar sua própria equipe, Embassy Hill na Fórmula 1. Ele faleceu em 29 de novembro de 1975, em um acidente aéreo, aos 46 anos, era o próprio Graham Hill quem comandava a aeronave, um Piper Aztec, que explodiu ao se chocar com algumas árvores, após tentar um pouso com pouca visibilidade no aeroporto de Elstree, em Barnet, a 16 quilômetros de Londres.

Abraço e até a próxima!

Comentários