O Homem-aranha
Sexta, 15 de Janeiro de 2016

Helio Castroneves é o piloto brasileiro que mais venceu as 500 Milhas de Indianápolis, conquistando três triunfos: em 2001, 2002 e 2009, todos pela equipe Penske.

Helinho nasceu em Ribeirão Preto em 10 de maio de 1975, tendo começado sua carreira no kart, categoria pela qual sagrou-se campeão brasileiro em 1989, antes de passar pela F3 Sul-americana, F3 Inglesa e Indy Lights até chegar à Fórmula Indy, em 1998; pela equipe Bettenhausen Motorsports, defendeu a Hogan Racing em 1999 até assinar com a Penske para a temporada seguinte.

A vitória no Grande Prêmio de Detroit em 2000 lhe rendeu o apelido de "Homem Aranha", após ter escalado o alambrado ao deixar o cockpit de seu carro, marca registrada que sempre repete em suas vitórias, o brasileiro já conquistou 25 na Indy e largou na pole em 38 oportunidades.

Em 2007, aceitou o convite para participar do "Dancing with Stars" ao lado de Julianne Hough. A dupla venceu a competição e Helinho tornou-se ainda mais popular nos Estados Unidos.

Mas a maré favorável deu lugar a um momento difícil, em 3 de outubro de 2008, quando foi indiciado por fraude fiscal, acusado de utilizar contas no exterior para esconder aproximadamente 5,5 milhões de dólares durante o período entre 1999 e 2004, Helio Castroneves foi preso, e a imagem de suas pernas acorrentadas rapidamente tomou conta das manchetes dos jornais, sites e revistas do mundo inteiro. Após pagar fiança de 10 milhões de dólares foi solto e inocentado em 16 de abril de 2009, com o júri considerando não haver provas que o incriminassem. Caso tivesse sido condenado poderia cumprir 35 anos de prisão.

A "volta por cima" aconteceu após 38 dias do julgamento, quando venceu as 500 Milhas de Indianápolis pela terceira vez, em 24 de maio de 2009 e em dezembro de 2012 participou, como convidado, da Corrida do Milhão da Stock Car, em Interlagos, pela equipe Shell Racing, comandada por Rodolpho Mattheis.

Abraço e até a próxima!

 

Comentários