O Brasil em Indianápolis
Sexta, 14 de Fevereiro de 2014

Indianápolis

O Indianápolis Motor Speedway é um dos mais antigos circuitos dos EUA e do mundo, construído em 1909, em um terreno de 1.327,668,27 m² (328 acres) de uma antiga fazenda, localizada a cerca de 7 km da capital do estado de Indiana, feito inicialmente de pedras, posteriormente, devido aos inúmeros acidentes provocados pelas pedras ferindo pilotos e espectadores, o circuito ganhou uma camada de tijolos cobrindo toda a extensão da pista. Seu desenho é de um retângulo com quatro curvas inclinadas em 9 graus (mais exatamente 9º12') com duas grandes retas e duas pequenas, e cuja extensão foi limitada pela divisa do terreno com os dos vizinhos. A extensão total do circuito é de 2,5 milhas.

A primeira corrida de 500 milhas nesse circuito ocorreu no dia 30 de maio de 1911. Desde então as 500 Milhas de Indianápolis não parou mais, exceto nos dois períodos em que os EUA entraram nas duas Guerras Mundiais (1917-1918 e 1942-1945).

O Circuito também abrigou a cerimônia de abertura dos Jogos Pan-Americanos de Indianápolis 1987, sendo a única vez que um autódromo foi o "estádio-sede" de uma competição a nível olímpico, em vez de um propriamente dito estádio, assim como as competições de patinação sobre rodas.

Em várias temporadas tivemos participações brasileiras vitoriosas. Em 14 delas a participação nacional chegou ao pódio e/ou a pole. Em sete dessas temporadas pilotos brasileiros chegaram ao topo máximo do pódio. Em 1989 e 1993 com Emerson Fittipaldi, em 2001, 2002 e 2009 com Hélio Castroneves, em 2003 com Gil de Ferran e em 2013 com Tony Kanaan.

Mas nada supera a participação dos brasileiros na temporada, histórica, de 2003: simplesmente fizemos tudo, tomamos a pole, e tomamos o pódio inteiro. Em todas as edições do século XXI da 500 Milhas de Indianápolis (exceto nas disputadas em 2006 e em 2011) os pilotos brasileiros estiveram no pódio, e também fizeram a pole em 6 dessas edições.

E dá-lhe Brasil!!!

Abraço e até a próxima!

Comentários