Na vida temos vários desafios, sejam eles profissionais ou familiares. Acredito que todos destinados a nós, são para que possamos enfrentá-los e vencê-los.

Na minha carreira profissional já desempenhei diversas funções, no Legislativo, Executivo, ou na própria Brigada Militar, mas nenhuma delas trouxeram consigo, uma carga de responsabilidade tão grande, quanto a função de Comandante do 37º BPM.

Sim, comandar a unidade na cidade que resido, que constituí família, em que ganhei o nobre título de cidadão frederiquense, realmente exacerbam toda a pressão para exercer esta função com sabedoria e criatividade.

Liderar homens e mulheres que labutam o dia em defesa da sociedade, sem saber se vão voltar para casa, nos enche de orgulho e engrandece nossa missão árdua de garantir a ordem pública e de Polícia Ostensiva.

A Sociedade não quer saber se somos militares, civis ou até mesmo a cor que vestimos, ela quer resultado, e por isso temos que ter planejamento e preparo em nossas ações. E para ter êxito, a integração com outros órgãos policiais e a própria comunidade são fundamentais.

Nenhuma instituição policial consegue dar uma resposta à altura sem compartilhamento de informações, de planejamento conjunto e de operações pré-organizadas, e muitas vezes conjuntas no combate à criminalidade.

Não temos mais tempo para briga de belezas, por que o crime está realmente organizado, o tráfico se expandindo e a busca por espaço está forte e sem preocupação alguma, se para isso tenham que cometer roubos e crimes hediondos para sua magnitude.

A polícia tem que estar pronta para agir. A polícia militar deve agir com prevenção e repressão. Não esquecendo que temos que estar presentes sempre, sejam nos momentos bons ou ruins.

Mas a integração não pode ficar só entre as polícias, deve abranger todos os seguimentos da comunidade. Devemos estar presentes, sempre. Do jeito que pudermos, interagindo, conversando, respondendo, para que todos conheçam o que estamos fazendo, para que todos vejam nossas dificuldades e como agimos, para que a comunidade tenha convicção que sua ajuda é fundamental para um bom resultado.

A Brigada Militar está presente 24 horas, por isso, ser comandante de uma instituição de quase 200 anos é fantástico, pois estaremos estendendo a mão para nossa sociedade, protegendo-os do perigo e usando a mão forte naqueles que desviarem da regra, do bem e da legalidade.

Até mais.