4-Não ter recursos financeiros suficientes

Ter um serviço ou produto e ser dono de uma empresa seria maravilhoso e simples se para cada ideia ou problema, caísse dinheiro do céu ou fosse fácil retirar um empréstimo no banco ou conseguir um investidor anjo.

Já que não é um mundo de sonhos, os empreendedores sem investidores podem  iniciar seus negócios de qualquer maneira. Mesmo que você não tenha o capital necessário no início, logo você descobrirá que um processo lento e constante de construção do negócio pode ser o melhor depois de tudo.

No início, não há lucro. Tudo que você ganhar deveria ser reinvestido no seu negócio. É assim que funciona. Com organização e planejamento, a empresa começa a crescer e a gerar lucros. Mas você não pode esperar ter muito dinheiro para investir no seu serviço ou produto. Comece pequeno.

5-Não acreditar em você mesmo

Mesmo que no início ninguém acredite em você, as pessoas aprenderão a acreditar em seus resultados. Ninguém pode argumentar contra um trabalho ético e sólido. Lembra da frase “Você deve ser o primeiro a acreditar em você”? É a mais pura verdade.

Não fique se criticando ou se comparando aos outros. Se você estudou, trabalhou, se capacitou e continua se capacitando, porque não acreditar no seu potencial de realização?

Se um monte de gente consegue, porque você não consegue? Para mim, acreditar em si mesmo é o primeiro passo para qualquer empreendimento de sucesso.

Acompanhe as sequências nas próximas edições!