TROFÉU I – O Departamento Jovem Central lançou o troféu “Jovens de agora, Valores de outrora” que consistiu na realização de uma pesquisa liderada pelo Departamento Jovem de cada Região Tradicionalista. Com o título: “Cultura Campeira nos galpões do nosso Rio Grande”, a pesquisa foi realizada pelas prendas Karoline Paola Teixeira Cocco, 1ª Prenda da 28ª RT, Ana Martina Wollmer, representante do Departamento Jovem e Gabriela Cavasin, 1ª Prenda Juvenil da 28ª RT, e com a supervisão da Coordenadora Cultural da 28ª RT, Daiane Tomazi. Em um curto espaço de tempo, iniciado em 20 de agosto, as três jovens idealizaram e apresentaram ao MTG uma pesquisa muito elogiada, que versava sobre os balseiros, artesanato em porongos, arte de bordados, tropeiros e alambradores. A apresentação foi no Tchêncontro da Juventude Gaúcha em Farroupilha, no domingo passado. Mereceram e trouxeram para a 28ª Região o troféu de 1º Lugar Jovens de agora, Valores de outrora, enchendo mais uma vez de orgulho os seus CTGs.

TROFÉU II – Para concorrer ao Troféu do Departamento Jovem, as três prendas jovens tradicionalistas promoveram uma palestra com o tema “Depressão do jovem no tradicionalismo”, e capricharam na criatividade e nas entrevistas que fizeram parte da sua pesquisa escrita. Fez parte da pontuação, a apresentação da juventude da 28ª Região no Tchêncontro, que desenvolveu o tema: “Tropeirismo Biriva: gente, caminhos, canções e danças”, numa referência às pesquisas e resgates registrados na obra de Paixão Côrtes. Desta forma, a conquista do Troféu de 1º Lugar percorreu um longo caminho, que no início parecia inalcançável, mas que aos poucos foi se concretizando e agora se transformou em orgulho e satisfação.

PERGUNTA – Qual é a sociedade organizada nos dias de hoje que consegue reunir em um final de semana inteiro um número tão grande de jovens e adolescentes em um mesmo lugar, todos descentemente vestidos (pilchados), preocupados na aprendizagem, divulgação e manutenção da sua cultura? A resposta é: só no meio tradicionalista. Isto aconteceu em Farroupilha, no último final de semana, com a presença de 2.000 jovens.

VAQUINHA – A terceira entidade tradicionalista mais antiga da história, o Minuano CTG de Iraí foi brutamente atingido por um vendaval na tarde do dia 04 de outubro, destelhando e estragando também o seu interior. Para ajudar na sua reconstrução, foi criada uma vaquinha virtual cujas doações, podem ser parceladas em até 12 vezes no cartão de crédito, ou através de boleto bancário, conforme as condições de cada um. Diversos artistas gaúchos, gravaram vídeos de sensibilização, convidando a todos os gaúchos para colaborar para a reconstrução do Minuano CTG. Artistas como Thomas Machado, Joca Martins, Mano Lima, Luísa Barbosa estão engajados na busca dos recursos necessários para que, no mais curto espaço de tempo possível, o Minuano CTG de Iraí seja reformado e volte com as suas funções. A vaquinha encerra dia 06 de novembro e pode ser acessada através do site http://vaka.me/745947.