Produtor está investindo ainda mais na produção de frutas

Foi a preocupação com a família que levou Eliseu Luiz Levulis, 42 anos, a decidir pela agricultura orgânica, e se tornar um dos grandes produtores da região. Com diversos tipos de produtos em seu Sítio Recanto Lindo, o produtor comercializa frutas como caqui de chocolate e agora está com grande procura pelo maracujá. O simples fato de não mexer com produto químico, que agride ao meio ambiente e afeta a saúde, Levulis falou da importância de produzir um alimento mais saudável. “Desde criança aprendi com meu pai, a cultivar e produzir apenas alimentos saudáveis, sem o uso de agrotóxicos, e agora eu tenho uma bebê de quatro anos e pensando nela, eu coloco a saúde em primeiro lugar”, destacou Levulis. Hoje, ele e a esposa Franciele Carla Coelho, produzem frutas como; mamão, bergamota, laranja, caqui de chocolate e maracujá, além de cultivar arroz-crioulo. O produtor ainda cultiva soja e milho, que servem para silagem e alimentação dos bovinos de leite e das galinhas poedeiras. A propriedade da família possui 17 hectares, na linha Pires, no interior de Seberi. Início da atividade Tudo começou quando Levulis buscou se aperfeiçoar ainda mais e buscar novas técnicas de produção orgânica. Para isso, participou de palestras e visitou propriedades produtoras dessas culturas e Erechim foi o município modelo adotado pelo produtor, que se espelhou para aplicar novas técnicas em sua propriedade. – A vontade começou quando eu recebi o incentivo do atual prefeito de Erval Seco, Gilmar Leschewitz, que na época palestrava na região sobre a agricultura orgânica, e nesses encontros ele mostrava a transição dos elementos químicos para orgânicos. Também graças a ele conseguimos as primeiras mudas gratuitas, para todos os participantes do curso. Então eu agradeço muito a ele por tudo que fez e que sou hoje –, ressaltou o produtor. Produção O principal cultivo na propriedade da família ainda é o arroz-crioulo. No último ano, o produtor colheu nos quatro mil metros quadrados de área plantada, o equivalente a 47 sacas de 60 quilos. Mas o seu forte nos últimos anos ainda são as frutas. Ao todo o sítio possui 200 pés de uva, que são usados para a fabricação de vinhos e sucos. Já os 90 pés de caqui chocolate branco, ainda são a referência pelos compradores da região. Levulis está investindo ainda mais na produção de maracujás, uma fruta totalmente natural. Mercados O produtor atende vários municípios da região. No ano passado foram vendidas mais de 600 quilos de caqui de chocolate. Em apenas três dias, Levulis percorreu os municípios de Boa Vista das Missões, Jaboticaba, Pinhal, Rodeio Bonito e Cristal do Sul e segundo o produtor, durante esse trajeto faltou frutas. “Os produtos são vendidos em toda região, e o principal diferencial do Sítio Recanto Lindo, é que todo os alimentos são orgânicos, sem o uso de agrotóxicos e venenos, sendo alimentos totalmente naturais, sendo alimentos bem-aceitos pela comunidade”, explicou Levulis. Pensando no Futuro Levulis espera expandir ainda mais a área cultivada e a produção, ele tem intenção de abrir uma agroindústria para atender maiores mercados. O produtor busca investir ainda mais nesses cultivos que já estão dando certo e começar a cultivar novas variedades de alimentos na propriedade, tornando-a referência cada vez mais na região.  

Renato Padilha rural@folhadonoroeste.com.br (Foto: Renato Padilha)