A mineira Ana Sátila, de 23 anos, voltou a neste domingo (8) na Copa do Mundo de Canoagem Slalom na Europa. Desta vez, a brasileira conquistou medalha de ouro na etapa de Pau - comuna francesa localizada na cordilheira dos Pirineus - na canoa individual (C1), com o tempo de 115 segundos 39 centésimos A prata ficou com a ucraniana Viktoriia Us e o bronze com a tcheca Tereza Kneblova com o bronze.

“Foi uma experiência incrível, estou muito feliz em terminar essas duas competições com medalha de ouro e voltar vitoriosa para o Brasil. Quero agradecer a todos pela torcida, essa medalha é fruto de um esforço de uma equipe inteira”, disse a atleta em depoimento ao site da Confederação Brasileira de Canoagem. 

Ana Sátila garantiu neste domingo o segundo ouro na Copa do Mundo de Canoagem, desta vez na etapa francesa de Pau, comuna localizada na Cordilheira dos Pirineus - Confederação Brasileira de Canoagem

Há menos de um mês, Sátila já havia subido no degrau mais alto do pódio na etapa de Tacen (Eslovênia), quando fez o melhor tempo ( 94seg64) também na canoa individual (C1). A atleta soma agora seis medalhas em Copas do Mundo: dois ouros desta temporada, duas pratas no caiaque (K1) e dois bronzes na canoa individual (C1).

O Brasil foi representado ainda na etapa de Paul (França) por Mathiew Desnos, que ficou em quarto lugar no kaiaque individual (K1). Na mesma categoria, Pedro Gonçalves, o Pepê, parou nas semifinais. Ele também chegou à final do K1 Extremo, e terminou na quarta posição. Outro brasileiro, Felipe Borges competiu no C1 e terminou em 16º lugar.

 

*Por: Agência Brasil