Os donos de terras agrícolas terão mais um ano para aderir à regularização de terras, conforme a nova Lei Florestal. O governo federal estendeu até o início de maio de 2016, o prazo para inclusão dos imóveis no Cadastro Ambiental Rural (CAR). O anúncio foi feito em coletiva com os ministros Izabella Teixeira do Meio Ambiente e Patrus Ananias, do Desenvolvimento Agrário. A prorrogação foi motivada por 48 pedidos de órgãos como Secretarias Estaduais e Municipais. Até agora, 52, 8% da área total de 373 milhões de hectares passíveis de regularização ambiental está inscrita no sistema informatizado que dará início ao processo. Mais de 1,4 milhão de imóveis rurais de todo o país se encontram dentro da lei. O número corresponde a 196,7 milhões de hectares de área cadastrada.