Com 41 anos de existência, a Chocolate Lugano de Gramado, na Serra gaúcha, deverá abrir em breve 50 lojas no país. Grande parte, localizadas em cidades com até 30 mil habitantes. Conforme a empresa, a estratégia faz parte do plano de expansão da rede e em um segundo momento, franquias também deverão ser abertas na Europa e EUA.

A Lugano tem hoje 22 operações espalhadas pelo Brasil (licenciadas ou franqueadas). Além da sede em Gramado, no RS já existem lojas em Frederico Westphalen, Rio Grande, Santa Cruz do Sul e Santa Maria. A próxima a ser aberta no Estado fica em Caxias do Sul. "Nosso chocolate é mais artesanal e não usa muita gordura" explicou a gerente da loja de FW, Sananda Ferigollo, durante o lançamento da taça Faguense, que presta uma homenagem ao município. 

Entre os diferencias da marca, produtos gourmet e com percentual maior de cacau. Em Frederico Westphalen a loja fica no Centro, na esquina da rua do Comércio com a José Canellas, próximo ao Banrisul. O atendimento é de segunda a sexta-feira das 9h30 às 19h sem fechar ao meio-dia. Nos sábados fica aberta até às 18h. O telefone para contato é o (55) 3744-4570.

Sobre a Lugano

A fábrica de chocolates Lugano foi iniciada em 26 de setembro de 1976 na cidade de Gramado, denominada Chocolate Caseiro Lugano Ltda., nome que permanece até hoje. Naquela época, os seus fundadores já tinham a qualidade, o preparo artesanal e o sabor diferenciado como principais metas, as quais são partes fundamentais da filosofia atual da Lugano. A empresa hoje é um nome de tradição no mercado brasileiro. São diversas linhas de chocolates artesanais e todos conservam a qualidade e o sabor especiais da marca.

*Na live em anexo, conheça um pouco da marca em Frederico Westphalen.