O Ministério da Saúde incluiu caminhoneiros, motoristas de transportes coletivo e trabalhadores portuários na segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, que começa nesta quinta, 16. As três categorias se juntam ao grupo prioritário que também contempla doentes crônicos e profissionais das forças de segurança e salvamento. 

Com essa alteração, os professores, tendo em vista que as aulas estão suspensas, passam a integrar o grupo prioritário da terceira fase. A meta da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe é vacinar, pelo menos, 90% de cada um desses grupos, até o dia 22 de maio. O dia “D” de mobilização nacional para a vacinação acontece no sábado, dia 9 de maio.

Em FW a vacinação começou cedo nos postos de saúde. Cerca de 100 doses estão disponíveis em cada um dos postos, conforme volume enviado pelo Ministério da Saúde. No posto central, a vacinação ocorre com atendimento direto nos veículos.

Próxima fase será de 9 a 22 de maio:

Professores

Crianças de 6 meses a menores de 6 anos

Grávidas

Mães no pós-parto

População indígena

Ressoas acima de 55 anos

Pessoas com deficiência

*Com informações do Ministério da Saúde