O Plano Safra 2021/2022 foi lançado na última terça-feira (22), em cerimônia no Palácio do Planalto, em Brasília (DF). O Governo Federal anunciou R$ 251,2 bilhões para apoiar a produção agropecuária nacional, sendo R$ 177,8 bilhões destinados ao custeio e comercialização e R$ 73,4 bilhões para investimento durante o próximo período agrícola, que inicia em 1º de julho. 

Neste ano, as taxas de juros sofreram um reajuste. Pequenos produtores terão, por exemplo, R$ 21,74 bilhões para financiamento pelo Pronaf (Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar), com juros de 3% e 4,5% ao ano. 

Para os médios produtores rurais serão destinados R$ 29,18 bilhões, por meio do Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp), com taxas de juros de 5,5% ao ano (custeio e comercialização). Para os grandes produtores, a taxa de juros será de 7,5% ao ano. 

A Cresol Raiz, por sua vez, fez o lançamento do Plano Safra, na última sexta feira, 25, em uma live transmitida pelas redes sociais da cooperativa e pelas páginas dos parceiros da imprensa. O presidente da Cresol Raiz e da Cresol Confederação, Cledir Magri, coordenou os trabalhos e apresentou os detalhes do novo plano, como taxas de juros, total de investimentos e a importância destes recursos para a agricultura familiar.

-No último plano a Cresol apresentou um crescimento de 113% em relação ao ano anterior. Estes números reforçam a importância de nossa cooperativa para o desenvolvimento da agricultura em toda a região-, afirmou Magri.

O presidente Cledir Magri também destacou que nesta edição do Plano Safra haverá mais recursos disponíveis para a agricultura familiar.

- No Plano Safra 2021/2022 que inicia no dia 1º de julho, iremos  disponibilizar ainda mais recursos aos nossos cooperados. Toda essa experiência que a Cresol adquiriu ao longo dos anos nos tornou especialistas em crédito rural, o agricultor sabe disso e por isso a cada ano comemoramos resultados recordes, finalizou o presidente. 

Participaram da transmissão os associados, Sandra Belle representando as agroindústrias, Alcione Maciak representando os cooperados produtores de grãos e Ocimar Fréu representante dos produtores de leite e de suínos. Os associados se manifestaram agradecendo a Cresol Raiz pelo fato da cooperativa acreditar nos pequenos produtores garantindo assim recursos para custeio e investimento.

Também participaram da live os diretores Claudiane Piovesan e Claudiovani Ferigollo.

Previsão de liberação recorde na Cresol. 

A Cresol planeja um Plano Safra recorde em 2021/2022, com expectativa de liberação de R$ 7,8 bilhões. No crédito para custeio, a previsão é de R$ 4 bilhões, um aumento de 51% em relação ao último ano, enquanto para o investimento é de R$ 3,8 bilhões, crescimento de 124%. 

Os números seguem a evolução do agronegócio, único setor da economia brasileira que apresentou crescimento no Produto Interno Bruto (PIB) em 2020. O bom momento do segmento impactou nesta última Safra, que termina em 30 de junho: a Cresol já liberou mais de R$ 4 bilhões em crédito, também superando os últimos anos. 

Cresol é a instituição que mais operou crédito via BNDES no Plano Safra 2020/2021 com repasses de aproximadamente R$ 1,2 bilhão.

Somados os repasses foram disponibilizados aproximadamente R$ 1,2 bilhão a agricultores por meio das linhas de financiamento para custear a produção no país. O montante representa 42% do total aprovado pelo BNDES para a agricultura familiar no atual Plano Safra. 

A Cresol foi a instituição que mais operou crédito via BNDES para a agricultura familiar no Plano Safra 2020/2021. A área de operações e canais digitais do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) divulgou o ranking de agentes financeiros com dados atualizados até o dia 9 de junho, o atual período agrícola termina no dia 30 de junho. 

Os números também mostram o poder do agronegócio, que tem apresentado crescimento constante no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, no primeiro trimestre de 2021 a alta foi de 5,35%. A relação com o setor permite que a Cresol ofereça aos cooperados crédito para viabilizar todas as etapas da produção.

A liderança no ranking dos agentes financeiros que repassaram crédito para a agricultura familiar no Plano Safra 2020/2021 faz parte de uma parceria construída há mais de 20 anos. Cresol e BNDES já beneficiaram milhares de cooperados com financiamentos agrícolas e também voltados ao público urbano. 

Estimular o desenvolvimento para o crescimento das pessoas e dos seus negócios é algo que une as instituições e permite que a Cresol consiga oferecer produtos e soluções para seus quase 645 mil cooperados, atendidos por 637 agências em todo o Brasil. 

Inauguração da Unidade Barril

A Cresol Raiz irá inaugurar no próximo sábado, 3 de julho, Dia Internacional do Cooperativismo a Agência Barril na Rua Santo Cerutti, 605, bairro Barril, a partir das 9h.

*Com informações da Ascom Cresol