Em 2021 a Central Única das Favelas de Frederico Westphalen (Cufa-FW) vem aperfeiçoando programas e projetos para viabilizar ações culturais, esportivas e sociais em diversas áreas em situação de risco e vulnerabilidade social.

A organização vem ampliando sua abrangência, atingindo os 14 municípios da região de sua sede, bem como em outras 23, que integram o programa RS Seguro, com a distribuição de R$ 14 milhões em recursos da Lei Aldir Blanc. 

Tendo em vista buscar a viabilidade da multiplicação destes trabalhos, de forma contínua, a longo prazo, nestes localidades a organização foi selecionada para participar do Programa de Aceleração de Fundos Patrimoniais Filantrópicos do Santander Private Banking, realizado em parceria com a Mobilize Global. Em todo o Brasil, foram abertas apenas 20 vagas. 

Durante os cursos, iniciados em 25 de agosto, são debatidos temas acerca das tendências e cenário da captação de recurso, fontes de recursos e estratégias de captação, captação pessoa jurídica, Deck Institucional, campanhas, entre outros. 

Sobre o programa

O programa de Aceleração de Fundos Patrimoniais Filantrópicos é uma iniciativa do Santander Private Banking, em parceria com a Mobilize Global, a qual tem o intuito específico de apoiar o fortalecimento da captação de recursos dos fundos patrimoniais e, com isso, o crescimento destes.

*Com informações da Cufa-FW