Na hora de planejar um quarto para criança, os pais desejam que o ambiente seja seguro, confortável e lúdico, permitindo que o filho usufrua de cada detalhe, desenvolvendo suas habilidades físicas e psicológicas de forma saudável. Claro que, dependendo da idade, a criança também vai querer participar da elaboração do projeto, escolhendo a temática da decoração.

Chegada a hora de ter um quarto só para eles, os irmãos Lucas e Pedro tinham pedidos bem especiais e peculiares. Um queria um escorregador; o outro sonhava em ter um aquário na cama. Pedidos tão especiais não poderiam ser ignorados e arquiteta Laiani Medeiros, da Novidade Móveis, colocou tudo no papel e como num passe de mágica, o dormitório dos irmãos se transformou em um ambiente aconchegante, funcional, lúdico, que proporcionasse autonomia aos pequenos e também muito divertido.

Camas altas e juntas

A escolha de uma cama alta, fora dos padrões, teve diferentes razões. Em primeiro lugar, é um modelo bastante divertido para a criança poder subir pelas escadas e sentir-se em um cantinho de brincar cheio de possibilidades. Além disso, foi utilizada uma solução para otimizar o espaço, permitindo o armazenamento de brinquedos e calçados nos gavetões, liberando o centro do dormitório para deixar as brincadeiras ainda mais divertidas.

Também é a possibilidade mais viável de atender aos pedidos, afinal, um escorregador precisa partir de um ponto mais alto, no caso, a cama.

O conjunto ainda conta com uma cama auxiliar, ideal para receber os coleguinhas num “posão”.

Gavetões e nichos

Como em casas onde há crianças o que não falta são brinquedos, os gavetões que ficam na parte inferior da cama e os nichos são locais ideais para eles. Tudo segue os padrões de cores com base em cinza vel, com pontos de MDF Blackdots, pontos de azul e amarelo laca.

Sem faltar o essencial

Uma boa cama e o roupeiro são essenciais em um dormitório. Neste caso, o roupeiro fica na parede oposta às camas, justamente para não “furtar” o espaço livre das brincadeiras dos meninos. Todo o mobiliário foi feito sob medida para garantir os melhores acabamentos.

Mesinha para estudo

Ao mesmo tempo em que o dormitório deveria ser colorido e lúdico, o estudo não pode ficar de lado. Então, foi pensado um espaço que oferecesse tranquilidade para os momentos de aprendizado e descanso dos pequenos.

Uma mesinha de estudo foi disposta no espaço do dormitório. Ela tem o tamanho deles e pode ser utilizada tanto para fazer os temas de casa quanto para soltar a imaginação em desenhos e brincadeiras que precisem desse suporte, como quebra-cabeças, dominó, e outros jogos educativos.

As composições

Com uma grande janela, o espaço é privilegiado com a iluminação natural. Mas a artificial não pode deixar a desejar, por isso foi escolhido um lustre nas mesmas tonalidades do mobiliário amarelo e azul, com lâmpadas amarelas que garantem um ambiente mais aconchegante.

O papel de parede também não deixa a desejar. Em tons mais neutros, ele garante a personalidade do espaço sem perder a elegância, podendo, inclusive, ser mantido conforme os meninos forem crescendo.