O Grêmio confirmou na manhã desta sexta-feia a permanência do atacante Diego Souza na Arena. Embora o anúncio de despedida do jogador em 15 de dezembro, a negociação teve uma reviravolta e ele assinou um novo contrato, agora válido até o final de 2022.

Após avaliar o mercado de jogadores para a posição e observar que os números do veterano de 36 anos nas duas últimas temporadas, quando marcou 52 gols em 105 jogos e ainda deu 14 passes para gol, o departamento de futebol gremista conseguiu superar a ideia inicial apresentada por parte da diretoria do clube e resolveu apostar no camisa 29 mais uma vez.

Diego Souza chegou a receber ofertas de Vasco e Sport, que também irão jogar Série B no próximo ano, mas não chegou a dar prioridade a nenhum destes clubes, já que tinha a ideia de permanecer em Porto Alegre. 

O contrato é de um ano, com valores dentro dos padrões estabelecidos pelo novo orçamento do clube, que prevê redução de gastos para 2022. Além disso, metas como participação em jogos, gols e até mesmo a questão física foram estabelecidas neste novo vínculo com o Grêmio.

*Com informações GaúchaZH