Na tarde da quarta-feira, 23 de outubro, os idosos do município de Derrubadas participaram das atividades propostas no Centro de Referência em Assistência Social (Cras). Nos encontros que acontecem mensalmente, eles assistem às palestras preventivas relacionadas ao bem-estar e participam de dinâmicas com a coordenadora do Cras, Maryneide Gross.

No último encontro, os idosos assistiram a uma palestra com o enfermeiro da Unidade Básica de Saúde, Angelo de Oliveira, sobre o diabetes, doença que afeta diretamente a terceira idade. Conforme Oliveira, a maior parte dos casos do diabetes tipo 2 são diagnosticadas após os 45 anos, pois o pâncreas, com o passar dos anos, diminui a sua capacidade de produzir insulina e consequentemente o nível de glicose do sangue aumenta. O enfermeiro frisou ainda a importância dos idosos manterem uma alimentação saudável, evitando o açúcar presente em doces e carboidratos como pães e massas.

Os outros temas tratados na palestra e que despertaram a curiosidade dos idosos foram os possíveis problemas na próstata e o câncer de mama. Oliveira explicou a função da glândula presente nos homens, os possíveis problemas que afetam a próstata e enfatizou a importância da prevenção. Sobre o câncer de mama, que após o câncer de pulmão é o que mais causa morte no Brasil, destacou a atenção que as mulheres acima de 40 anos devem ter para a realização da mamografia anualmente. Este exame é capaz de detectar o tumor antes mesmo que ele se torne palpável.

Segundo a gestora municipal de Habitação e Assistência Social, Angelita Bomm dos Santos, o Cras está sempre aberto para receber os idosos e orientá-los sobre temas relevantes, como saúde e bem-estar. As atividades programadas para eles continuam mensais, e no mês de dezembro será realizada a confraternização de fim de ano.

Assessoria de Imprensa de Derrubadas