Considerada a primeira microcervejaria subterrânea do mundo a ser construída em uma mina de pedras ametistas, a Mina Beer, de Ametista do Sul, inaugurada ainda neste ano, conseguiu outra importante marca: é um dos destaques na 42ª edição da Revista da Cerveja, considerada, desde 2012, uma das principais publicações do país com o objetivo de registrar e difundir a cultura cervejeira.

Nomes internacionais consagrados já passaram por suas páginas como Dominik Maldoner, Garrett Oliver, Greg Koch, Günther Tömmes, John Palmer, Julien Slabbinck e Oliver Wesseloh. Do mesmo modo, a história de expressivos cervejeiros nacionais já esteve em suas edições. Além disso, são 18 seções abordando os mais variados temas – de receitas de cervejas dedicadas aos homebrewers à recuperação da história de cervejarias do século XIX.

Sobre a Mina Beer

A Mina Beer tem como proprietários Enéderson Rossetto, Mariana Alievi Mari, Erlon Medeiros Lissak, Caroline Rossetto, Glauber Ceratti e Carol Panosso. O empreendimento, com cerca de 150 m2 e uma temperatura constante de 17º C, está localizado na linha Curta, sem número, junto ao Ametista Park Museu. Também é um ambiente de visitação para o conhecimento do processo de produção da cerveja artesanal Mina Beer.

Além disso, é um local para degustação de produtos e venda da bebida e kits. São produzidas cervejas dos tipos weiss (trigo), blonde ale (belga) e american pale ale (APA), além de chope.

*Com informações da Revista da Cerveja