Para reforçar a proteção contra novas variantes do coronavírus, parte da remessa de 310.500 doses de Astrazeneca que chegou pouco depois das 17h30 desta quinta-feira, 15, ao aeroporto de Porto Alegre terá como destino a fronteira.

Ao todo, 29 municípios na fronteira com o Uruguai e a Argentina irão receber 123.040 vacinas para ampliar a campanha de imunização nesses locais. Os imunizantes serão destinados para a primeira aplicação (D1). O envio de doses extras a essas regiões é uma estratégia do Ministério da Saúde para evitar o ingresso no país de novas variantes da Covid-19.

As demais vacinas Astrazeneca que vieram no voo vindo do Rio de Janeiro serão destinadas a outros municípios, para que possam avançar na imunização por idade da população. A decisão foi tomada nesta quinta (15), em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), entre Estado e representação dos municípios, por meio do Conselho das Secretarias Municipais da Saúde do Rio Grande do Sul (Cosems/RS).

Além das 310.500 vacinas recebidas nesta quinta (15), a Secretaria da Saúde (SES) também entregará 378.530 doses de Astrazeneca que estavam reservadas na Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi) para a segunda dose (D2). Os lotes serão distribuídos na sexta-feira (16/7).

Municípios da fronteira que irão receber as vacinas

- Derrubadas
- Esperança do Sul
- Tiradentes do Sul
- Chuí
- Herval
- Jaguarão
- Pedras Altas
- Santa Vitória do Palmar
- Aceguá
- Bagé
- Dom Pedrito
- Barra do Quaraí
- Itaqui
- Quaraí
- Santana do Livramento
- Uruguaiana
- Garruchos
- Pirapó
- Porto Xavier
- Roque Gonzales
- São Borja
- São Nicolau
- Alecrim
- Doutor Maurício Cardoso
- Novo Machado
- Porto Lucena
- Porto Mauá
- Porto Vera Cruz
- Crissiumal

*Com informações do governo do Estado