Em breve, antes mesmo de o condutor abordado pelo policial soprar, um novo bafômetro com funções ativa e passiva indicará se ele consumiu bebida alcoólica ou não. A informação é da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que divulgou nesta terça-feira, 25 de junho, que a novidade estará à disposição nesta semana nas rodovias federais atendidas pelas unidades de Seberi, Sarandi, Passo Fundo, Erechim e Lagoa Vermelha, no Norte do Rio Grande do Sul.

O modo passivo servirá inclusive como uma maneira de triagem. O aparelho dispensa uso de bocais descartáveis e demanda menos tempo para a conclusão do serviço. Os benefícios: geração de economia para os cofres públicos, redução de lixo plástico e mais motoristas fiscalizados, o que resulta em segurança viária com maior eficácia e preservação de vidas. Na função ativa, o dispositivo se assemelha ao já empregado, que afere a quantidade de álcool presente no organismo por meio do sopro.

Atualmente, além de ter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa no mínimo por um ano, o motorista flagrado dirigindo embriagado é autuado em R$ 2.934,70.