O ex-governador Olívio Dutra vai disputar vaga ao Senado pelo Rio Grande do Sul. O anúncio oficial aconteceu nesta segunda-feira (25), em coletiva de imprensa na sede do PT RS, em Porto Alegre. Uma conversa, neste final de semana, entre Olívio, o pré-candidato ao governo do Estado, Edegar Pretto, e o presidente estadual do Partido dos Trabalhadores, deputado federal Paulo Pimenta, definiu a entrada na chapa majoritária. 

O nome de Olívio já vinha sendo cogitado, e a proposta ganhou corpo nos últimos dias. A partir de agora será discutida a composição dos outros representantes que ocuparão as vagas de suplentes. A oficialização dos nomes que vão compor a chapa da Federação Brasil da Esperança (PT, PCdoB e PV) será na convenção partidária marcada para o próximo domingo, dia 31 de julho, em Porto Alegre.

Olívio de Oliveira Dutra tem 81 anos. É missioneiro nascido em Bossoroca. Foi casado por 54 anos com dona Judite Dutra - falecida em maio deste ano. Trabalhou como bancário no Banrisul e foi presidente do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre. Foi um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores, junto com Lula. Em 1986, foi eleito deputado federal constituinte. Foi prefeito de Porto Alegre de 1989 a 1992, governador entre 1999 a 2002 e ministro das Cidades no governo Lula entre 2003 e 2005. Em 2014, foi candidato ao Senado Federal pelo RS.

*Com informações da Ascom