Os amantes do esporte, especificamente do ciclismo, terão nos próximos meses um forte incremento para a prática da modalidade, seja como treinamento, ou simplesmente para o lazer. A Associação Ametista de Ciclismo está realizando os últimos preparativos para a montagem de três percursos fixos de cicloturismo no município ametistense e em Planalto.

– Nós da associação vamos criar um circuito permanente de cicloturismo, com três trajetos. Um dos trajetos será mais curto, com 18 quilômetros, que passará pelos principais pontos turísticos de Ametista do Sul. Outro trajeto terá 35 quilômetros, também passando pelos pontos turísticos ametistenses, mas se alongando um pouco mais. E o terceiro trajeto, mais longo, com 50 quilômetros, vai interligar os municípios de Ametista do Sul e Planalto, passando pelos pontos turísticos de Ametista e o Vale das Uvas, em Planalto – explica o presidente da associação, Fabio dos Santos.

Conforme Santos, já no início do próximo mês, o grupo planeja abrir para o público dois dos três trechos que estão sendo projetados, o de 18 quilômetros e o de 35 quilômetros. Já no início de agosto, está prevista a liberação do trajeto mais longo do circuito.

Ainda conforme o presidente da associação, o grupo responsável pelos trajetos, que é composto por ciclistas de Ametista do Sul, Planalto e Chapecó (SC), espera conseguir auxílio da iniciativa pública e privada para finalizar as marcações dos trajetos. “Depois de aberto o espaço, o cicloturista vai pagar uma ‘taxinha’ e a associação vai disponibilizar um ciclista para acompanhar o turista ou um grupo de apoio para proporcionar uma experiência agradável ao cicloturista”, detalha Fabio dos Santos.

Inicialmente, os percursos serão acompanhados por ciclistas da associação, mas no futuro, o objetivo é deixar o circuito livre. “Conforme formos aumentando e melhorando a sinalização, queremos que os trajetos sejam totalmente livres e que os cicloturistas possam percorrer sozinhos os percursos”, complementa o presidente da associação.

Incremento no turismo e fomento da atividade

O surgimento da ideia de montagem do circuito de cicloturismo, conforme Fabio dos Santos, não é uma novidade recente. A intenção de montar um local específico para a prática do esporte na região é anterior aos anos 2000. “Nossa associação mesmo, ela é antiga, mas agora, neste ano, que ela conseguiu se reestruturar. Com isso, definimos que para incentivarmos e promovermos o esporte, precisamos de recursos. E para não estarmos a toda hora pedindo em prefeituras ou empresas, e até para investirmos em atletas para participarem de competições, pensamos que com o fluxo de turistas que Ametista do Sul e a região tem, deixarmos os percursos prontos e a partir da taxa a ser cobrada, levantar os valores que iremos utilizar para o incentivo e divulgação do esporte e auxílio aos atletas. Então, o primeiro objetivo é oferecer a possibilidade de quem gosta do cicloturismo ter um circuito na região e em Ametista do Sul, segundo, aproveitar essa crescente do esporte e do turismo da região para que possamos arrecadar recursos e, assim, promover ainda mais o esporte e incentivar atletas”, conclui o presidente da associação. Mais informações sobre o circuito e a data de abertura dos trajetos você confere nas edições impressas e canais digitais do jornal Folha do Noroeste.