Enquanto o Corpo de Bombeiros concentra esforços na busca dos agentes desaparecidos nesta quinta-feira, 15, o governo do Rio Grande do Sul definiu o destino do prédio da Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Com a estrutura danificada, comprometida e risco de desabamento por causa do incêndio ocorrido no final da noite desta quarta-feira, 15, a edificação será totalmente demolida, assim que os trabalhos de resgate, perícia e investigação forem encerrados.

De acordo com especialistas em engenharia, seu parecer é de que a estrutura não pode ser salva.