De tempos em tempos queremos mudar a decoração da casa, precisamos modernizar os ambientes mas como transformar o espaço já pré-estabelecido em algo mais moderno e funcional?

Por vezes isso parece um problemão. Foi partindo dessa proposta de renovação que as arquitetas Jamile De Bastiani e Vanessa Scopel remodelaram o espaço da sala integrada de estar e jantar, a pedido dos clientes, em um local ainda mais aconchegante.

O antes

Uma lareira que nunca era ligada, um espaço sem uso e uma porta que atrapalhava a circulação, esses eram os principais problemas desse ambiente que tinha um grande potencial de uso e precisava de renovação para comportar uma família numerosa com espaços confortáveis e ao mesmo tempo leves.

O piso e o gesso haviam sido modificados recentemente, portanto o projeto partiria desses pontos. Então definiu-se que as cores trabalhadas partiriam de tons de bege com algumas estampas pontuais para deixar o ambiente um pouco mais descontraído.

A cliente solicitou que alguns dos mobiliários deveriam ser reaproveitados, como o bar, a poltrona e os pufes, bem como os eletrônicos.

Uma porta que segmentava o ambiente em dois espaços menores, então a primeira decisão de projeto foi modificar a porta de lugar, deslocando-a para a lateral, assim a sala ficou maior e criou-se o espaço para a sala de jantar.

O projeto

A nova organização do ambiente conta com uma sala de estar confortável e uma sala de jantar. A mudança possibilitou a utilização de todos os espaços e a completa harmonia dos mesmos, antes bem divididos e pouco aproveitados.

O depois

A nova porta tem uma importância significativa no espaço. Com um tamanho imponente, do tipo pivotante, puxador cromado e um vidro fixo na lateral para entrada de iluminação, para compensar a retirada de uma das janelas. A cor escolhida foi a mesma das janelas existentes, para que não destoasse do restante das esquadrias.

Os tons utilizados no reforma estão baseados no bege, devido ao piso que não foi alterado. Madeira em tons claros para os novos móveis como painel da tv, a mesa de jantar e o buffet. O design reto do novo mobiliário contribuiu para que o ambiente tivesse uma estética mais moderna e ao mesmo tempo se relacionasse de forma harmoniosa com o restante dos móveis existentes.

A sala de estar possui um sofá e uma poltrona confortáveis, que combinam entre si através das almofadas e dos tons azuis. No canto da sala foi necessário fazer um fechamento em marcenaria que abrigasse a central de comando já instalada no espaço. A lareira permaneceu no ambiente, mas teve o revestimento realizado com placa cimentícea (devido a ocorrência de calor do fogo) e o papel de parede. Optou-se por um contorno em marcenaria para completar o acabamento do papel de parede próximo ao gesso.

O móvel para apoio da tv possui gavetões em espelho fumê combinando com a borda de granito da lareira. Outro detalhe importante é o espaço para dois pufes, que podem ser distribuídos pelo espaço somente quando o cliente achar necessário.

Como uma forma de integrar ainda mais o ambiente foram utilizados apenas espelhos da cor fumê (móvel da televisão e no nicho do buffet) e o vidro da mesa também fumê com os pés da marcenaria da cor do restante do mobiliário novo. O bar existente teve uma nova pintura na cor bege, harmonizando com o ambiente. Outro ponto interessante no projeto, é que ele pode mudar conforme a necessidade do cliente, as poltronas da ponta da mesa de jantar podem servir de apoio para a sala de estar, assim como os pufes. O sofá é um modelo chaise retrátil que também pode se tornar mais amplo e confortável.

A proposta de reforma buscou alternativas que trouxessem as sensações de amplitude, iluminação e organização de layout. A combinação de materiais não buscou apenas criar ambientações agradáveis. Todos eles, tais como o piso, mobiliário e decorações foram previamente testados nas condições de uso, de modo a garantir adequação às demandas, durabilidade e conforto.