Vândalos danificaram o Cemitério Jardim da Saudade de Frederico Westphalen. A ação pode ter ocorrido entre a noite desta terça-feira, 12, e a madrugada de hoje, 13. Um túmulo foi arrombado para provável ritual de magia negra.

Próximo à carneira, um pano preto estava amarrado no galho de uma árvore. Em outros dois pontos do pátio foram encontrados uma garrafa de água ardente, uma vela preta e flores de plástico.

Ao chegarem no local de trabalho, os zeladores se depararam com a situação e informaram a Secretaria de Obras do ocorrido. A Brigada Militar e Polícia Civil foram acionadas e a perícia apurará o fato.

Conforme a zeladora do cemitério, Delci Oestraich, toda a semana são encontrados trabalhos de feitiçaria no cemitério.

O prefeito Roberto Felin Junior esteve no local. Segundo ele, com a frequência do tipo de ocorrência e danificação do patrimônio público, o cemitério passará por um processo de reestruturação em seu funcionamento, com possível vigilância noturna.

Catiana de Medeiros